postheadericon Ghee: A Manteiga caseira sem Lactose e Toxinas da Gordura

Ghee

O Ghee (pronuncia-se gui) nada mais é do que o óleo purificado da manteiga, onde há remoção de qualquer toxina da gordura, bem como da lactose.

Além de ser uma delícia, pode ser utilizado para elaborar qualquer prato do dia-a-dia, principalmente para preparação de legumes e verduras, uma vez que possui grande resistência ao calor. É um excelente coadjuvante em tratamentos para a saúde e muito utilizado nas cozinhas dos grandes chefs. E a melhor parte.. você pode fazer em casa!

Embora seja inteiramente preparado com manteiga, suas propriedades diferem muito da manteiga em si. O Ghee é a fonte tradicional de lipídios na alimentação indiana. Em muitos casos, é recomendado usar Ghee na dieta (se você tem problema de colesterol, consulte seu médico antes).

Dentre as inúmeras propriedades do Ghee, podemos ressaltar as principais abaixo:

  • É fonte de vitamina A e aumenta o poder de visão e a voz (porque lubrifica e refresca).
  • Fortalece o fígado, os rins e o cérebro (memória).
  • É a melhor gordura para o organismo e o fígado.
  • É muito útil para inflamações gastro-intestinais, úlceras, febres crônicas como asma e problemas crônicos nos pulmões. Quando o alimento é bem mastigado e a dieta é rica em fibras vegetais a quantidade de muco salivar que é deglutido aumentará, o que ajuda na proteção contra úlceras pépticas.
  • Diz-se do Ghee que ajuda a equilibrar os humores.
  • Na Ayurvédica é utilizada também como emoliente, sendo a base de diversas preparações medicinais.
  • Para os praticantes de Yôga, divulga-se como sendo um lubrificante natural, ajudando na flexibilidade para a prática das ásanas.

Como preparar:

A preparação vai resultar em um óleo dourado, límpido e transparente.

Fazer o Ghee não é difícil nem complicado. Exige apenas um pouco de tempo, pois é necessário uma fervura bastante lenta para que toda a água contida na manteiga evapore (sem que a manteiga se queime). Os pedaços sólidos subam à superfície e o saboroso gosto da manteiga purificada seja enfim realçado.

Se for preparada de forma adequada, a manteiga Ghee não possuirá sal e lactose. Também não produzirá fumaça em altas temperaturas, devido a isenção de toxinas que provocam a reação. O alimento também dispensa refrigeração, não contém corante ou conservante, auxilia em inflamações e úlceras, promove a sensação de saciedade e a longevidade – por conter vitamina A que é antioxidante.

Algumas sugestões de uso são na preparação de arroz, legumes, verduras, sopas, saladas e para refogar temperos.

No entanto, é importante lembrar que, mesmo sendo mais saudável, a manteiga Ghee ainda é uma gordura. Logo, preconiza-se seu uso moderado. Além disso, por ser mais saborosa que os outros óleos, uma pequena quantidade já é suficiente para ser utilizada em receitas culinárias.

Veja abaixo o processo de preparação do Ghee:

  1. Coloque a manteiga sem sal em um panela de fundo grosso (caso possua uma panela de ferro em casa, é uma boa oportunidade para usá-la.) e leve-a ao fogo mínimo (para conseguir o menor fogo possível, ligue a boca do fogão e em seguida gire como se fosse desligar, mas deixando o fogo o menor possível).
  2. Após algum tempo a superfície ficará com uma camada espessa de espuma (gordura saturada) que deverá ser retirada quantas vezes forem necessárias (com uma escumadeira) até que toda a água evapore e reste apenas o óleo.
  3. Para saber o ponto de desligar o fogo, quando a manteiga estiver transparente, jogue uma gota de água, se não fizer barulho, ainda não está pronto. Assim que jogar a gota de água e fizer barulho, pode desligar o fogo.
  4. Retire o máximo possível de espuma, se ainda houver. Aguarde até que pare de borbulhar.
  5. Este óleo deve ser coado em um tecido fino (voil, algodão, ou mesmo o coador de pano que é usado para preparação do café são exemplos de tecidos úteis para esse fim).
  6. Depois de coado, o óleo deve ser guardado em um recipiente de preferência de vidro.
  7. Deixe o vidro aberto até esfriar, após frio, tampe o vidro e guarde em um local fresco, para melhor conservação.

Vale lembrar que o Ghee tem cor amarelo âmbar quando está quente ou morno e em estado líquido, quando começa a esfriar ele cristaliza-se em um amarelo claro e fica mais cremoso, conforme podemos ver no comparativo abaixo:

comparativo ghee

Deixe um comentário

Indicação Garantida!


Curso Fundamentos do Chocolate
Arquivos
Siga-nos no Face
Facebook
Medidas Culinárias
Conversão
Contribuições
Publicidade
Temaki Sushi Online

Levate Centro

Curso Fundamentos do Chocolate
Publicidade
Publicidade